Salsicha na grelha

Bom pessoal, sou o novo autor do Soulless. Pesso muito obrigado ao dono, que realmente as postagens são muito boas.
então vamos ao que interessa.

Domingo, família e amigos reunidos, cerveja, caipirinha e um delicioso churrasco. O que não podia faltar? Uma salsicha na grelha, é óbvio!



Obs.: Tudo leva a crer que o vídeo é falso, o carvão está apagado e o pênis do sujeito não fica com nenhuma marca. Mas não deixa de ser bizarro...

Retirado do Baphomet's Guts
http://baphometguts.blogspot.com

Maniaco Suicida

video

foda!... morreu mais morreu bonito!

Soulless © 2º temporada

video

como prometido a 2º season de Soulless © volta hoje! todos sabem que mortes e acidentes acontecem todos os dias "mais os mais bárbaros terríveis e chocantes você só ver aqui"
e não e todos os dias que encontramos mortes chocantes a altura de nosso cardápio.
hoje temos aqui mais um vídeo de decapitação não tão comum como as do oriente médio e sim mais sangrenta e mais chocante pelo menos ao meu ponto de vista.
abraço a todos volte sempre e comente.

titulo: Brutalidade no Mexico

Acidentes de moto








A campeã de acidentes fatais não só no Brasil como em boa parte do mundo, motociclista pilote com atenção! pois você e o para choque de sua moto e um simples acidente pode causar mortes como essas que acabou de vêr.

Chacina do Rangel

Na madrugada do dia 09 de julho de 2009, uma briga entre vizinhos foi o estopim para que acontecesse uma grande barbaridade na cidade de João Pessoa-PB. O sujeito que apanha no video é acusado de assassinar – com golpes de facão e a ajuda de sua esposa ( Edileuza Oliveira)– sete pessoas de uma mesma família, incluindo uma mulher grávida de gêmeos. O caso ficou conhecido como a “Chacina do Rangel”.
O pai, o gesseiro Moisés Soares Filho(33 anos), e três filhos menores, Raissa dos Santos Soares(2 anos), Rai dos Santos Soares(4 anos), e Raquel dos Santos Soares(10 anos), foram esquartejadas devido a violência dos golpes. A esposa e mãe das crianças, Divanise Lima dos Santos(35 anos), que estava grávida de gêmeos e mais um filho de 7 anos feridos no atentado, ainda foram socorridas com vida, em estado grave, para o Hospital de Trauma "Senador Humberto Lucena", na capital, a esposa vindo a falecer após e a criança permanecendo em estado grave na U.T.I. A casa dos acusados o gesseiro Carlos José e sua esposa Edileuza Oliveira foi depedrada e saqueada por populares.




Fotos da chacina causada por Edileuza e Carlos.
Clique na imagem para ampliar: